11 janeiro 2007

AS BANDEIRAS DOS NOSSOS PAIS



O novo trabalho de Clint eastwood é o grande filme da semana.
A foto mais famosa da II Guerra Mundial serve como ponto de partida para este filme. Tirada por Joe Rosenthal, a imagem de 5 marines a erguer a bandeira americana no Monte Suribachi poucos dias após o inicio da batalha de Iwo Jima, correu mundo e apaixonou o fervor patriótico dos americanos.
Daqueles cinco soldados só três sobreviveram e foram enviados de volta a casa onde são recebidos como heróis.
John “Doc” Bradley (Ryan Phillippe), da Marinha de Guerra; Ira Hayes (Adam Beach), um ameríndio, tímido e avesso a publicidade; e Rene Gagnon (Jesse Bradford), mensageiro do tempo da guerra que evitou disparar a sua arma.
Os três homens que empunharam a bandeira desempenham o papel de heróis na perfeição – percorrendo o país de lés a lés, apertando a mão às pessoas certas, dizendo o que é de esperar que digam aos microfones – ao mesmo tempo que o poder da sua imagem vai salvando o esforço de guerra, cada vez mais enfraquecido. Mas, lá no fundo, sentem que a par dos seus amigos e irmãos mortos em combate, uma parte das suas almas ficará para sempre no solo negro de Iwo Jima.
Junto com FLAGS OF OUR FATHERS, o realizador americano rodou também um outro filme, que nos mostra a batalha de Iwo Jima vista pelo lado japonês. CARTAS DE IWO JIMA deve estrear por cá no próximo dia 22 de fevereiro de 2007.

Realização: Clint Eastwood
Intérpretes: Ryan Phillipe, Jesse Bradford, Adam Beach
EUA, 2006
Estreia: 11 de setembro de 2007

2 comentários:

Roberto Queiroz disse...

Aguardo ansiosamente por todos os dois, principalmente por Letters of Iwo Jima (quero ver esse lado do Clint Eastwood, fugindo dos filmes americanos de guerra que sempre ilustram as forças-armadas americanas como heróis imbatíveis.

P.S: Crítica da semana no Claquete (http://claque-te.blogspot.com): Diamante de Sangue, de Edward Zwick.

Abraços do crítico da caverna.

Ludovicus Rex disse...

Gostava de ver...
Um abraço e Bom Fim de semana