28 fevereiro 2007

DIÁRIO DE UM ESCÂNDALO



Duas mulheres envolvidas num drama de necessidade e traição são o coração deste drama psicológico.
As voltas e reviravoltas da história são anotadas no diário acerbo de Barbara Covett (Judy Dench), uma professora autoritária e solitária que governa com mão de ferro os seus alunos numa decadente escola pública em Londres.
Sem contar com o seu gato, Portia, Barbara vive sozinha, sem amigos ou confidentes, mas o seu mundo altera-se quando ela conhece a nova professora de arte, Sheba Hart (Cate Blanchett).
Sheba parece ser a cara-metade e amiga leal que Barbara sempre procurou. Mas quando esta descobre que Sheba está a ter uma tórrida aventura amorosa com um dos seus jovens alunos, a relação de amizade dá uma sinistra volta.
Ao mesmo tempo que Barbara ameaça expor o terrível segredo de Sheba, tanto ao marido (Bill Nighy) como ao resto do mundo, também os seus próprios segredos e sombrias obsessões se tornam conhecidos, expondo as desilusões de cada uma destas mulheres.

Realização: Richard Eyre
Com: Judy Dench, Cate Blanchett, Bill Nighy
EUA/Reino Unido, 2006
Estreia: 1 de março de 2007

DREAMGIRLS

DREAMGIRLS

Uma semana com poucas mas boas estreias. todos os filmes estiveram na corrida aos Óscares. DREAMGIRLS, com oito nomeações ganhou duas das mais ambicionadas estatuetas do cinema.

Inspirado no musical homónimo, vencedor de diversos prémios e passado nos turbulentos anos 60 e 70, “Dreamgirls” acompanha a ascenção de um trio de mulheres - Effie (Jennifer Hudson), Deena (Beyoncé Knowles) e Lorrell (Anika Noni Rose) – que formam um promissor grupo feminino chamado The Dreamettes.
Num concurso de talentos, elas são descobertas por Curtis Taylor Jr. (Jamie Foxx), um manager ambicioso que lhes oferece a oportunidade das suas vidas: serem coro feminino do cantor James "Thunder" Early (Eddie Murphy).
Curtis assume, pouco a pouco, a gestão do visual das raparigas e, inclusive, do seu estilo musical, acabando por lhes dar a oportunidade de brilhar por conta própria como The Dreams.
As luzes da ribalta começam, porém, a centrar-se em Deena, acabando por dispensar a menos “comercial” mas extremamente talentosa Effie.
Embora as Dreams se tornem num fenómeno internacional, elas rapidamente se apercebem que o preço da fama e da fortuna pode ser bem mais elevado do que imaginavam...
Oportunidade para ver Eddie Murphy no papel da vida dele.

Realização: Bill Condon
Com: Jamie Foxx, Beyoncé Knowles, Eddie Murphy, Danny Glover, Jennifer Hudson
EUA, 2006
Estreia: 1 de Março de 2007

27 fevereiro 2007

Un Perro Andaluz

Buñuel encontra Dali. Magnífico, arrepiante, surrealista.

26 fevereiro 2007

ÓSCARES, OS VENCEDORES:

THE DEPARTED: ENTRE INIMIGOS
Foi o grande vencedor da noite arrecadando quatro dos principais prémios: Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Argumento Adaptado e Melhor Montagem.

Melhor Actor: Finalmente; o Óscar para Forrest Whitaker, um dos melhores e mais subvalorizados actores americanos. Foi também o autor do mais sentido e comovente discurso da noite, chegaram-se a ver lágrimas entre a assistência do Kodak Teather, especialmente as da sua mulher.

Actor Secundário: Alan Arkin em LITTLE MISS SUNSHINE

Actriz Principal: Helen Mirren em A RAÍNHA

Actriz Secundária: Jennifer Hudson em DREAMGIRLS

Melhor Argumento Original: LITTLE MISS SUNSHINE
Todos os vencedores em IMDB.COM

A NOITE DOS ÓSCARES 2


Melhor Documentário: UMA VERDADE INCONVENIENTE
Venceu também o Óscar para melhor canção original com "Wake Up" de Melissa Etheridge




O filme de Guillermo Del Toro, teve durante a semana passada, honras de abertura no Fantasporto 2007 e é a grande estreia desta semana em Portugal.
Este foi o grande vencedor das categorias técnicas com três estatuetas: Direcção Artística, Maquilhagem e Cinematografia.

A NOITE DOS ÓSCARES


Entre tantas mulheres mais jovens, Helen Mirren foi realmente A RAÍNHA.

Ellen DeGeneres foi uma apresentadora descontraída e divertida. Brindou-nos com alguns grandes momentos como a fotografia com Clint Eastwood ou a cena do roteiro com Scorsese.

Numa cerimónia marcada pelo tom ambientalista, Melissa Etheridge, ganhou o Óscar pela Melhor canção Original com Wake Up e proporcionou um dos melhores agradecimentos da noite depois de um ternurento beijo à sua mulher:
«I have to thank Al Gore for inspiring us, inspiring me and showing that caring about the earth is not Republican or Democrat. It’s not red or blue we are all green.»

E por falar em grandes momentos, foram magníficas aquelas coreografias de sombras evocando alguns dos filmes do ano. De todas destaco a de SNAKES ON A PLANE com a participação da apresentadora, Ellen DeGeneres.

O pior da noite vai, tal como no ano passado, para a TVI; insuportáveis aqueles intervalos com anúncios a uma qualquer linha erótica ou coisa parecida, que saudades do tempo em que a cerimónia passava na RTP.

SCORSESE FINALMENTE!

Já merecia a estatueta dourada há muitos anos. Este foi, finalmente, o ano de Scorsese, curiosamente nem acho que THE DEPARTED seja o melhor filme do realizador nem sequer o melhor filme do ano. Penso que foi mais um prémio pela sua carreira e pela injustiça de não ter ganho com TOURO ENRAIVECIDO.

25 fevereiro 2007

O LIVRO NEGRO



AMOR EM TEMPO DE GUERRA

Holanda, 1944.
São os últimos anos da II Guerra Mundial e a bela cantora Rachel Stein (Clarice Van Houten) encontra-se refugiada com a família Tsjempkema na Holanda rural. Outrora uma popular e rica cantora, Rachel aguarda o fim da guerra, tal como muitos Judeus na Europa, separada da sua família e na iminência de ser apanhada pela Gestapo.
Quando o seu esconderijo é atacado Rachel é levada por Rob (Michel Huisman) para casa de Mr. Smaal (Dolf de Vries), um advogado solidário que trabalhava secretamente para ajudar os Judeus a fugir da Holanda. Relutante, Mr. Smaal arranja uma forma de Rachel se juntar à sua família e atravessar as linhas inimigas até ao território dos aliados. Mas durante esta perigosa travessia, o barco sofre uma emboscada das tropas germânicas. Todos os passageiros são brutalmente assassinados pelos Nazis mas Rachel consegue escapar por um triz, saltando para o rio.
Na manhã seguinte, Rachel é salva por Gerben Kuipers, um dos líderes da resistência holandesa. Um homem generoso e caridoso que oferece a Rachel um trabalho e um lugar seguro para ficar. Mas ainda enfurecida pela memória do brutal assassínio da sua família, Rachel decide juntar-se à resistência de forma a poder vingar-se dos alemães.
Durante a sua primeira missão, Rachel acompanha Hans Akkermans (Thom Hoffman), outro líder da resistência holandesa, a contrabandear armas e correspondência num comboio, acabando por conhecer Ludwig Muntze (Sebastian Koch) que a contrata para sua assistente. Cedo se apercebe das terríveis condições dos prisioneiros e que o futuro da sua sobrevivência está nas mãos de Muntze…

Realização: Paul Verhoeven
Com: Clarice Van Houten, Michel Huisman, Dolf de Vries, Thom Hoffman, Sebastian Koch
Holanda/Bélgica/R.Unido/Alemanha, 2006
Estreia: 22 de Fevereiro de 2007

O BOM PASTOR

O BOM PASTOR

“O Bom Pastor" é uma versão ficcionada da história, que é precisa em praticamente todos os eventos. No entanto, e devido ao facto dos criadores deste filme estarem libertos da obrigação de fidelidade ao pequeno detalhe, chegaram muito perto, e em muitas formas, da captura de algumas verdades essenciais sobre este extraordinário período de espionagem, contra-espionagem e traição durante a Guerra Fria…Não é possível compreender o presente sem compreender como aqui chegámos. "O Bom Pastor" diz-nos como.” — Richard C. A. Holbrooke, Embaixador dos EUA nas Nações Unidas, 1999-2001

A história nunca revelada do nascimento da Agência Central de Informação – CIA – vista através da vida de um homem que acreditava na América e que sacrificaria tudo o que amava para proteger o seu país, é contada em "O BOM PASTOR", um drama épico que apresenta um elenco recheado de estrelas, dirigido pelo vencedor de um Óscar da Academia, Robert De Niro.
Os já vencedores de Óscares da Academia, Matt Damon, Angelina Jolie e Robert De Niro lideram um formidável grupo de actores de créditos firmados, incluindo Alec Baldwin, Billy Crudup, Sir Michael Gambon, William Hurt, Timothy Hutton , Joe Pesci e John Turturro.
Matt Damon interpreta Edward Wilson, um patriota que aprecia o valor da discrição – sigilo e compromisso com a honra foram-lhe incutidos desde a sua trágica e privilegiada infância. Um estudante sedento de conhecimento em Yale em 1939, é recrutado para aderir à sociedade secreta ‘Skull & Bones’ uma irmandade de laços fortes que visa o desenvolvimento de futuros líderes mundiais. A mente acutilante de Wilson, a sua imaculada reputação e o seu credo sincero nos valores da América fazem dele o principal candidato a uma carreira em espionagem por parte daqueles que monitorizam novos recrutas.
O jovem idealista é recrutado para trabalhar nos OSS, o percursor da CIA, durante a II Guerra Mundial. Esta decisão irá alterar o curso da sua vida bem como o mapa geopolítico dos nossos dias, à medida que Wilson e os seus companheiros, membros do clube secreto, criam a mais poderosa agência secreta do mundo.

Realização: Robert De Niro
Com: Matt Damon, Angelina Jolie, Alec Baldwin, Billy Crudup, Robert De Niro, Michael Gambon, William Hurt, Timothy Hutton, Joe Pesci
EUA, 2006
Estreia: 22 de Fevereiro de 2007

23 fevereiro 2007

HALF NELSON - ENCURRALADOS



Dan Dunne (Ryan Gosling) é um jovem professor de liceu, de um bairro pobre de Brooklyn, cujos ideais se têm desvanecido, perante a realidade que o rodeia. No entanto, ainda consegue encontrar a energia suficiente para levar os seus alunos de 13/14 anos a entusiasmar-se com temas como a Guerra Civil ou os direitos humanos. Rejeitando o plano de curso estabelecido, a favor de uma abordagem mais agressiva, Dan ensina os seus alunos a pensar por eles próprios e como por vezes mudar vale a pena – numa perspectiva histórica mas também pessoal. Os seus desapontamentos e desilusões levaram-no a uma séria dependência das drogas. Dan vai tentando equilibrar as suas ressacas e o seu trabalho, até que uma das suas alunas mais problemáticas, Drey (Shareeka Epps), o apanha em flagrante.
Com base neste estranho início, Dan e Drey iniciam uma inesperada relação de amizade. Apesar das diferenças de idade e de situação na vida, ambos se encontram numa delicada encruzilhada. As suas vidas vão mudar – dependendo do caminho que tomarem e das escolhas que fizerem…

Realização: Ryan Fleck
Com: Ryan Gosling, Shareeka Epps, Anthony Mackie, Jay O. Sanders, Monique Curnen
EUA, 2006
Estreia: 22 de fevereiro de 2007

UM TRUNFO NA MANGA

UM TRUNFO NA MANGA

Stanley Locke (Andy Garcia), Director Delegado do FBI, acabou de despachar o seu agente de topo, Richard Messner (Ryan Reynolds), bem como Donald Carruthers (Ray Liotta), o parceiro veterano deste, para o não muito secreto esconderijo de Buddy “Aces” Israel (Jeremy Piven) no Lago Tahoe.
A sua missão: proteger o sórdido ilusionista de Las Vegas do patrão da máfia, Primo Sparazza, de quem se diz ter já despachado mais de 130 trabalhos de assassinato por contrato e contra quem Aces concordou prestar testemunho de modo a salvar a sua própria pele.
Assim que a máfia se apercebe da traição, oferece um prémio de um milhão de dólares pela cabeça de Aces.
Pouco importa quem o despacha, desde que o faça rapidamente.
Agora, uma trupe selvagem de mercenários, assassinos em massa e belíssimas ‘armas de aluguer’ como Georgia Sykes (Alicia Keys), reúne-se em Tahoe para localizar Aces e reclamar o prémio… Independentemente do que lhe possa aparecer pela frente.A questão é só uma: quem irá apanhar Aces primeiro?

Realização: Joe Carnahan
Com: Ben Affleck, Jeremy Piven, Andy Garcia, Ray Liotta, Alicia Keys, Common
Reino Unido/França/EUA, 2007
Estreia: 22 de Fevereiro de 2007

22 fevereiro 2007

VENUS



VÉNUS, é uma comédia interessante que tem como ponto alto a interpretação de dois grandes monstros do cinema: Peter O'Toole e Vanessa Redgrave.
Maurice e Ian são velhos amigos, actores ingleses veteranos que nunca atingiram o estrelato. Agora nos seus “anos dourados”, continuam a trabalhar – Maurice, por exemplo, representa um doente moribundo numa novela televisiva.
O confortável ritual e as conversas divertidas à mesa do pequeno-almoço no café favorito dos dois amigos são perturbados pela chegada da província da sobrinha-neta de Ian, Jessie. Rapidamente, Jessie põe à prova a paciência do tio-avô, mas Maurice fica fascinado pela rapariga, mostrando-lhe os monumentos e a vida cultural de Londres.
À medida que Maurice vai tentando que Jessie aprenda alguma coisa com a sua experiência, fica no entanto surpreendido ao descobrir que afinal conhece tão pouco de si próprio, agora que a sua vida caminha para o fim.
Mais um filme a entrar na competição dos Oscares. Peter O' Toole, uma das lendas vivas da sétima arte, está nomeado para o prémio de Melhor Actor.

Realização: Roger Michell
Com: Peter O’Toole, Leslie Phillips, Jodie Whittaker, Richard Griffiths, Vanessa Redgrave
Reino Unido, 2006
Estreia: 22 de fevereiro de 2007

LIÇÕES DE CONDUÇÃO



É o começo de mais umas férias monótonas para Ben (RUPERT GRINT), um jovem oprimido de dezassete anos, que vive perturbado numa casa absurdamente conservadora e tradicional com uma mãe (LAURA LINNEY) esmagadoramente autoritária e um pai, que é vigário, sereno e afável. Enquanto os outros miúdos se divertem, Ben passa estas preciosas semanas a frequentar aulas de catequese, aulas de condução com a sua mãe e a ajudar num lar de terceira idade.
Contudo, o Verão de Ben está prestes a tornar-se muito mais emocionante quando arranja um emprego a trabalhar para uma actriz reformada (JULIE WALTERS). Vulgar, majestosa e por vezes infantil certamente que ela não é o tipo de pessoa que Ben esperava quando procurava um emprego nos classificados na “Hello Jesus”, uma revista conservadora da paróquia.
Evie entra na vida de Ben de forma cataclísmica, levando-o a uma série de aventuras desde acampamentos, representações de Shakespeare no jardim, até mesmo assistir ao Festival de Edimburgo – onde conhece Bryony (MICHELLE DUNCAN), uma rapariga mais da sua idade.
O comportamento irreverente, extravagante e por vezes descarado de Evie desafia as crenças de Ben e força-o a confrontar a verdadeira noção daquilo que aspira ser. Entretanto, quando tudo indica que está prestes a ficar sem a sua mais recente sensação de liberdade, Ben tem, de repente, que escolher: deverá continuar a conformar-se ou desabrochar e viver a sua vida de forma independente?
“Lições de Condução” é uma visão hilariante, sincera e tocante sobre o efeito que uma encantadora e excêntrica mulher mais velha pode ter num jovem rapaz com muito para aprender…

Realização: Jeremy Brock
Com: Julie Walters, Rupert Grint, Laura Linney, Michelle Duncan
Reino Unido, 2006
Estreia: 22 de fevereiro de 2006

FANTASPORTO 2007

O FANTAS JÁ AÍ ESTÁ!
Programa

21 fevereiro 2007

18 fevereiro 2007

CARTAS DE IWO JIMA



Estreia esta semana uma das mais geniais obras de Clint Eastwood como realizador. LETTERS FROM IWO JIMA, é a segunda parte de um díptico do cineasta sobre a Batalha de Iwo Jima. Quando resolveu filmar FLAGS OF OUR FATHERS, baseado na famosa fotografia de Rosenthal, Clint achou que o filme ficava incompleto sem mostrar o outro lado da batalha. Assim temos este portentoso relato de guerra sobre como a batalha foi vivida do lado japonês.
Há sessenta e um anos, os exércitos americano e japonês defrontaram-se em Iwo Jima. Algumas décadas depois, várias centenas de cartas são desenterradas do local. As cartas dão um rosto e uma voz aos homens que ali combateram, bem como ao extraordinário general que os comandou.
Os soldados japoneses foram enviados para Iwo Jima cientes de que era altamente improvável que de lá regressassem.
Entre eles encontravam-se Saigo (Kazunari Ninomiya), um padeiro que só quer sobreviver para conhecer a sua filha recém-nascida; Baron Nishi (Tsuyoshi Ihara), um campeão olímpico de hipismo conhecido em todo o mundo pela sua arte e pela sua honra; Shimizu (Ryo Kase), um jovem ex-agente da polícia militar, cujo idealismo ainda não foi posto à prova pela guerra; e o Tenente Ito (Shidou Nakamura), um militar rígido, que certamente preferiria o suicídio à rendição.
A defesa é organizada pelo General Tadamichi Kuribayashi (Ken Watanabe), cujas viagens pela América lhe revelaram a natureza vã da guerra, mas também lhe deram a visão estratégica necessária para enfrentar a vasta armada americana que se aproxima pelo Pacífico.
Com poucos meios de defesa ao seu alcance para além de uma vontade indómita e das rochas vulcânicas da ilha, as tácticas inovadoras do General Kuribayashi transformaram aquilo que se esperava ser uma derrota rápida e sangrenta num combate heróico e engenhoso que durou quase 40 dias.
Em Iwo Jima morreram quase 7.000 soldados americanos e mais de 20.000 soldados japoneses. As areias negras ainda estão manchadas pelo seu sangue, mas o seu sacrifício, o seu esforço, a sua coragem e a sua compaixão vivem nas cartas que escreveram para casa.

Realização: Clint Eastwood
Com: Ken Watanabe, Kazunari Ninomiya, Tsuyoshi Ihara, Ryo Kase, Shidou Nakamura
EUA, 2006
Estreia: 15 de Fevereiro de 2007

17 fevereiro 2007

O ÚLTIMO REI DA ESCÓCIA



Era para ser uma aventura num país distante, mas quando o jovem e ingénuo médico escocês chega ao Uganda, esperando aventura, romance e dar alguma ajuda médica a um país com necessidades, depara-se com uma chocante viagem ao mais sombrio dos “locais”: o coração humano.
Esta é a história do “Último Rei da Escócia”, um poderoso thriller que recria o mundo do Uganda em 1970, sob o jugo do ditador Idi Amin (Forrester Whitaker).Misturando ficção e realidade e contracenando com a realidade dos nossos dias, este filme retrata tanto o governante carismático mas psicótico que devastou o seu país, como também uma testemunha da história que finalmente encontra coragem para tomar uma atitude.
Pouco tempo depois da chegada do jovem Dr. Garrigan (James McAvoy) ao Uganda e após um bizarro acidente com o próprio auto-proclamado Presidente, este último, fascinado pela cultura escocesa e pela forma com que o rapaz lidou com a situação, faz uma proposta irrecusável ao jovem para ser o seu médico particular, iniciando-se uma viagem ao centro de um dos maiores reinos de terror de África.
Seduzido pela ambição e planos de Amin para o país e pelo seu próprio desejo de poder, Garrigan acaba por se tornar confidente e braço direito do ditador, testemunhando e tornando-se cúmplice de acontecimentos atrozes.
Perdido num abismo moral, o jovem médico finalmente toma uma atitude para parar aquela insanidade e lança-se numa luta desesperada pela sobrevivência.

Realização: Kevin MacDonald
Com: Forest Whitaker, James McAvoy, Gillian Anderson, Kerry Washington, Simon McBurney
Reino Unido/Alemanha, 2006
Estreia: 15 de Fevereiro de 2007

16 fevereiro 2007

HANNIBAL: A ORIGEM DO MAL



Depois de “O Silêncio dos Inocentes”, “Hannibal” e “Dragão Vermelho”, Hannibal Lecter regressa ao grande ecrã num filme sobre os seus anos de juventude.
Após sobreviver aos horrores da guerra na qual perdeu a família, o jovem Hannibal Lecter (Gaspard Ulliel) vê-se encarcerado num orfanato soviético. Atormentado pelos colegas, revolta-se contra o poder abusivo da instituição e foge para os arredores de Paris, refugiando-se no castelo do recém falecido tio.
Acolhido pela bondosa e sensual Lady Murasaki (Gong Li), viúva do tio, o interesse do jovem Hannibal pela comida, pela música e pela pintura começa a desenvolver-se apesar de constantemente perseguido pelos fantasmas do passado.
A iniciar-se no campo da medicina, Hannibal tenta obsessivamente mergulhar no seu subconsciente, acabando por descobrir que os fantasmas do passado não são apenas fantasmas, mas sim pessoas reais, criminosos de guerra.
Chegou o momento da vingança.

Realização: Peter Webber
Com: Gaspard Ulliel, Gong Li, Rhys Ifans, Kevin McKidd, Dominic West
EUA, 2006
Estreia: 15 de fevereiro de 2007

15 fevereiro 2007

O REGRESSO

O REGRESSO

Um novo thriller sobrenatural com Sarah Michelle Gellar como Joanna Mills, uma jovem determinada a descobrir a verdade por trás das intensas e terríveis visões sobrenaturais que a têm atormentado.
Joanna tem tido uma carreira de sucesso como representante de vendas de uma empresa de camionagem. Mas a sua vida pessoal tem sido complicada: afastada do seu pai (Sam Shepard), perseguida por um ex-namorado obsessivo (Adam Scott) e com poucos amigos, Joanna receia estar a perder o controlo. Ela vê - e sente - o brutal assassínio de uma jovem que nunca conheceu, às mãos de um assassino impiedoso – um homem que parece decidido a fazer de Joanna o seu próximo alvo.
Determinada a reagir, ela irá descobrir que há segredos que não podem ser enterrados, espíritos que não morrem e, finalmente, que a morte que tenta impedir pode, muito bem, ser a sua própria morte…

Realização: Asif Kapadia
Com: Sarah Michelle Gellar, Sam Shepard, Adam Scott
EUA, 2006
Estreia: 15 de dezembro de 2006

TENACIOUS D

TENACIOUS D

Houve dois acontecimentos que abalaram o mundo que tiveram lugar em Los Angeles, em 1994: o terramoto de Northridge e o nascimento dos Tenacious D, a banda liderada por Jack Black e Kyle Gass.
Os dois conheceram-se no Actor’s Gang, um grupo de teatro de Los Angeles, fundado por Tim Robbins, onde descobriram a paixão comum pelo “rock and roll”.Desde a sua primeira e memorável aparição, no Al’s Bar, na baixa de Los Angeles, onde interpretaram a sua única canção, “Tribute,” até se auto-proclamarem a Maior Banda do Mundo, “The D,” como são conhecidos pela sua legião de fãs, têm deixado de rastos todos aqueles que os ouvem.
Embora “Tenacious D – Rock dos Infernos” seja descrito por Black e Gass como um filme biográfico, foram tomadas algumas liberdades. E então, qual é o mal? Eles são, no fim de contas, The D – os mais irreverentes dos reverentes trovadores.
Uma hilariante aventura musical, “Tenacious D – Rock dos Infernos” segue Jake Black e Kyle Gass na sua demanda em busca da Palheta do Destino, que todos os grandes músicos de rock usaram até aí, para se tornarem a Maior Banda do Mundo.

Realização: Liam Lynch
Com: Jack Black, Kyle Gass, Jason Reed
EUA, 2006
Estreia: 15 de Fevereiro de 2007

ZOOM



Eles vão salvar o mundo… desde que cheguem a casa à hora do jantar.

ZOOM é uma comédia sobre quatro miúdos que, por causa dos seus extraordinários poderes, parecem não se integrar.
Com a ajuda de Jack (Tim Allen), mais conhecido por Capitão Zoom, um antigo super-herói em baixo de forma que perdeu os seus poderes, eles vão aprender como usar as suas aptidões especiais e tornar-se Super-Heróis para salvar o mundo de uma destruição certa… desde que cheguem a casa a tempo do jantar.
Menores, disfarçados e subestimados, estes miúdos formam uma equipa como nunca foi vista em todo o mundo.

Realização: Peter Hewitt
Com: Tim Allen, Courteney Cox, Chevy Chase, Spencer Breslin, Michael Cassidy, Kate Mara, Ryan Newman
EUA, 2005
Estreia: 15 de Fevereiro de 2006

14 fevereiro 2007

BERLINALE 2007

Eu peço desculpa porque este blogue tem andado muito preguiçoso mas a falta de tempo, o excesso de blogues e a luta pelo referendo têm-me levado muito tempo. Amanhã começo a divulgar as estreias da semana, por hoje trago apenas algumas novidades de Berlim.



A competição oficial abriu com LA MÔME, uma excelente biografia de Edith Piaf realizada por Olivier Dahan. Marion Cotillard, interpreta no ecrã a lendária diva da canção francesa falecida em 1963, com apenas 47 anos.


Também em competição vai estar a segunda obra de Robert De Niro, O BOM PASTOR. Um thriller com um elenco de 5 estrelas: Angelina Jolie, Matt Damon, Alec Baldwin, o próprio De Niro, Joe Pesci e William Hurt.


Também em competição, o novo Soderbergh THE GOOD GERMAN, de novo com George Clooney que contracena com Cate Blanchett e Tobey Maguire.


Fora de competição serão estará Clint Eastwood com CARTAS DO IWO JIMA, que estreia esta semana em Portugal.

Também o francês André Téchiné vai exibir o seu novo filme na Berlinale. LES TÉMOINS conta a história de um médico, um escritor, um inspector da polícia e uma cantora de ópera, cujas vidas se vão cruzar.

Um engate homossexual entre um jovem provinciano que veio passar o Verão a Paris e um médico quarentão desencadeia toda uma rede de desejos e vem desfazer o equilíbrio precário de um núcleo de amigos. Adrien, o médico (Michel Blanc), apaixona-se por Manu (Julien Libéreau), mas este, embora preze muito a amizade, deseja Mehdi (Sami Bouajila), polícia hetero que acaba de ser pai e tem um casamento aberto com Sarah (Emmanuelle Béart), escritora de livros para crianças que acaba de perceber não ter feitio para ser mãe. Inicialmente relutante, Mehdi deixa-se seduzir por Manu. O filme gira á volta dos primeiros casos de SIDA em França durante os anos 80.

09 fevereiro 2007

HOLLYWOODLAND



16 de Junho de 1959. O glamour de Tinsletown desvanece-se quando o actor George Reeves, o herói Homem de Aço na série de televisão As Aventuras de Super-Homem, morre na sua casa em Hollywood Hills. Abatido por um só tiro, Reeves (protagonizado por Ben Affleck, vencedor de um Óscar da academia) deixa para trás a sua noiva – a estrela em ascensão Leonore Lemmon (Robin Tunney) – e milhões de fãs chocados pela sua morte.
Mas é a sua mãe, Helen Bessolo (Lois Smith), desolada, que não deixa passar em vão as circunstancias questionáveis em torno da morte do filho. Helen procura justiça, ou pelo menos respostas. A polícia de Los Angeles dá o caso como encerrado mas Helen contrata – a $50 por dia – o detective privado Louis Simo (Adrien Brody, vencedor de Óscar). Simo rapidamente desconfia que o tórrido romance que Reeves mantinha com Toni Mannix (Diane Lane, vencedora de Oscar), a mulher do executivo de estúdio da MGM, Eddie Mannix (Bob Hoskins, nomeado pela academia), poderá ser a chave para a verdade.
Mas a verdade e a justiça não são facilmente encontradas em Hollywood. Simo persegue perigosas e vagas pistas em todos os locais e ao tentar brincar com o fogo corre o risco de se queimar. Ao estudar mais sobre a vida do actor e à medida que o caso se torna mais pessoal, o detective também descobre ligações inesperadas da sua própria vida com a vida de Reeves.
Por detrás do ícone estava um homem complexo que dedicou a sua vida a Hollywood.

Baseado numa historia verídica, “Hollywoodland” é uma única e envolvente exploração da fama e identidade inspirada num dos mais famosos mistérios não resolvidos de Hollywood.

Realização: Allen Coulter
Com: Adrien Brody, Ben Affleck, Diane Lane, Bob Hoskins
EUA, 2006
Estreia: 8 de Fevereiro de 2007

AS VIDAS DOS OUTROS


AS VIDAS DOS OUTROS

O Capitão Gerd Wiesler (Ulrich Mühe), é um oficial altamente credenciado da Stasi, a polícia política da antiga Alemanha de leste. A sua missão é espiar um celebrado escritor, George Dreyman (Sebastian Koch), e a sua esposa, a actriz Christa-Maria Sieland (Martina Gedeck).
O problema é que Wiesler vai-se envolvendo cada vez mais na vida fascinante do casal.

Antes da sua queda, o governo da antiga Alemanha de Leste, conhecida como Alemanha Democrática, assegura o poder através de um sistema impiedoso de controle e vigilância, através da Stasi, uma vasta cadeia de informadores, que chegaram a ser 200.000, numa população de 17 milhões. O seu objectivo era saber tudo sobre “AS VIDAS DOS OUTROS”.

Realização: Florian Henckel von Donnersmarck
Com: Martina Gedek, Ulrich Muhe, Sebastian Koch, Ulrich Tuk
Alemanha, 2006
Estreia: 8 de Fevereiro de 2007

07 fevereiro 2007

10 DIAS PARA ENCONTRAR UM MELHOR AMIGO




O que é a amizade? Será que temos realmente tantos amigos como pensamos?
São duas das reflexões que o filme de Patrice Leconte nos deixa. Afinal conquistar uma grande amizade não parece ser assim tão fácil.

François (Daniel Auteuil) é um negociante de antiguidades, um homem completamente imerso no seu negócio. No dia do seu aniversário a sua sócia Catherine (Julie Gayet) diz-lhe que ele não tem amigos, toda a gente concorda. François está chocado, certamente estão a brincar, não? O que não lhe falta são amigos, os seus dias são cheios de encontros, de pessoas. Mas Catherine insiste: ela refere-se a amizade e não a negócios.François insiste – ela só diz disparates.
Para acabar com a discussão Catherine dá-lhe dez dias para arranjar um amigo, um amigo real. François inicia assim a sua busca mas cedo percebe que não vai ser nada fácil. Até que a esperança renasce quando conhece um taxista.

Realização: Patrice Leconte
Com: Daniel Auteuil, Dany Boon, Julie Gayet
França, 2006
Estreia: 8 de fevereiro de 2006

ROCKY BALBOA


Tenho lido algumas críticas a ROCKY BALBOA. Quando esperava que desancassem sem piedade o filme, escrito, realizado e interpretado por Stallone eis que até leio algumas boas críticas. Rocky é agora o dono de um restaurante onde se diverte a contar as suas velhas aventuras nos ringues enquanto tenta esquecer a morte da sua esposa. Um dia, um canal desportivo de televisão passa um combate virtual entre Rocky e o actual campeão Mason "The Line" Dixon (Antonio Tarver). A surpresa é total quando Rocky vence o combate virtual. O impacto da simulação é enorme, surge então a grande oportunidade para o velho campeão voltar ao ringue e defrontar Dixon num combate real.
Não sou grande apreciador de filmes sobre o mundo do desporto mas deixo o benefício da dúvida a este Rocky, esperemos pela estreia, é já amanhã.

Realização: Sylvester Stallone
Com: Sylvester Stallone, Burt Young, Milo Ventimiglia, Geraldine Hughes, James Francis Kelly III, Talia Shire
EUA, 2006
ESTREIA: 8 DE FEVEREIRO DE 2006

O GRANDE SILÊNCIO



Como se faz um filme que, ao descrever um mosteiro, se torna ele próprio num mosteiro? Até hoje, ainda não sei como, mas sei que é possível. Num dado momento, o filme encontrou a sua forma e tornou-se num espaço e não numa narração.”- Philip Gröning
"O GRANDE SILÊNCIO" é o primeiro filme sobre a vida interior da Grande Chartreuse, casa-mãe da Ordem dos Cartuxos, uma meditação silenciosa sobre a vida monástica na sua forma mais pura.
Dezassete anos depois de ter pedido autorização para filmar no mosteiro, é dada autorização para entrar ao realizador, que filmará a vida interior dos monges cartuxos.
Sem música à excepção dos cânticos do mosteiro, sem entrevistas, nem comentários, ou artifícios.
Evocam-se unicamente a passagem do tempo, das estações, os elementos repetidos incessantemente durante o dia ou as orações.
Realização: Philip Gröning
Género: Documentário
Alemanha, 2005
Estreia: 8 de fevereiro de 2007

06 fevereiro 2007

TEMPOS CRUÉIS

TEMPOS CRUÉIS

Do criador de “DIA DE TREINO”, chega-nos um tenso e genuíno drama sobre o amadurecimento – com uma performance realista e intensa de Christian Bale: a história de dois grandes amigos que, apesar de todos os seus esforços e do apoio das mulheres que os amam, se vêem incapazes de escapar à lei das ruas…
O ex-comando JIM DAVIS (Christian Bale) não conseguiu recolocar a sua vida nos eixos desde que regressou da Guerra do Golfo. Atormentado por pesadelos e incapaz de aceitar um trabalho encerrado entre quatro paredes, ele consome as suas poupanças à espera de uma oportunidade que tarda em aparecer. Ele diz a si próprio que se apenas tivesse um emprego tudo se resolveria – ele poderia casar-se com a sua dedicada namorada mexicana, MARTA, trazê-la para os EUA e assentar de vez.
No entretanto, vai passando o tempo com o seu amigo MIKE (Freddy Rodriguez), o qual se encontra também desempregado. A acelerada namorada de Mike, SYLVIA (Eva Longoria), está farta de ouvir as suas desculpas, de tal modo que Jim se oferece para o ajudar a encontrar um emprego, acabando, porém, ambos à deriva pelas ruas de South Central, à procura de confusão. Embrenham-se mais e mais nas ruas e, sem que disso se apercebam, plantam as sementes da sua própria destruição.

Realização: David Ayer
Com vozes de: Christian Bale, Freddy Rodriguez, Eva Longoria
EUA, 2006
Estreia: 8 de fevereiro de 2007

A PROFECIA CELESTINA



Baseado no best-seller homónimo de James Redfield, é a história da vida de um professor, John Woodson, que acaba de perder o emprego como professor de História, e está numa encruzilhada. A sua vida está à beira de sofrer uma profunda metamorfose que será iniciada com um telefonema de uma antiga namorada. Charlene é jornalista e acabou de chegar do Peru, de onde voltou fascinada com a história de uma antiga profecia. John acaba por se deixar convencer e embarca numa viagem até ao Peru, uma viagem iniciática que o conduzirá a inúmeras aventuras com a descoberta das pistas que levam à revelação da "Profecia Celestina".

Realização: Armand Mastroianni
Com: Matthew Settle, Thomas Kretschmann, Sarah Wayne Callies, Annabeth Gish, Hector Elizondo, Joaquim de Almeida, Jürgen Prochnow
EUA, 2006
Estreia: 8 de Fevereiro de 2007

A TEIA DA CARLOTA

A TEIA DA CARLOTA

Baseado no livro de E. B. White, a clássica história de lealdade, confiança e sacrifício ganha vida nesta adaptação ao cinema em imagem real.
Flor é um dos dois únicos seres vivos que vê o quanto Abílio, o seu porquinho de estimação, é um animal especial. O mais pequeno da ninhada, rapidamente se transforma num maravilhoso e radiante porco.
Quando Abílio se muda para um novo celeiro, inicia uma nova e profunda amizade com a mais improvável das criaturas – uma aranha chamada Carlota – e o laço que os une inspira os animais em seu redor a unirem-se como uma família.
No entanto, ao espalhar-se a notícia que Abílio tem os dias contados, parece que apenas um milagre o pode salvar. Mas uma determinada Carlota – que vê milagres no dia-a-dia – tece palavras na sua teia num esforço de convencer o fazendeiro que Abílio é um “porquinho incrível” que vale a pena salvar.

Realização: Gary Winick
Vozes VO: Julia Roberts, Steve Buscemi, John Cleese, Oprah Winfrey, Cedric the Entertainer, André Benjamin, Thomas Haden Church, Robert Redford, Reba McEntire, Kathy Bates e Dakota Fanning,
VP: Carolina Sales, Jasmim Castro, Luisa Cruz, Pedro Pernas, Fernando Luís, José Jorge Duarte, Cláudia Cadima, Marina Albuquerque, Teresa Madruga
EUA, 2006
Estreia: 8 de Fevereiro de 2007

SOCORRO, CONHECI OS MEUS PAIS


RELATIVE STRANGERS
Antes do casamento com a bela Ellen Minola, o Dr. Richard Clayton, psiquiatra, fica a saber que os seus pais biológicos não são aqueles que o criaram. Intrigado, tenta descobrir as suas verdadeiras origens. Mas quando finalmente as descobre, arrepende-se profundamente do momento em que decidiu procurá-los. Frank e Agnes Menure são terríveis, tremendos, embaraçosos, atrozes... E Richard não tem coragem para os apresentar como seus pais. O que fazer? Mandá-los com um bilhete só de ida para a Gronelândia ou seguir a ética e a moral?

Realização: Greg Glienna
Com: Danny DeVito, Kathy Bates, Ron Livingston
EUA, 2006
Estreia: 8 de Fevereiro de 2007

05 fevereiro 2007

SETE PALMOS DE TERRA


Estreia já hoje na 2 a nova temporada de SETE PALMOS DE TERRA. A não perder para quem gosta de boa televisão.

SCORSESE VENCE O DGA


Martin Scorsese conquistou o Directors Guild Award com o filme THE DEPARTED.
Será que este vai ser o ano de Scorsese? Vanos esperar pela noite dos Óscares.

02 fevereiro 2007

PECADOS ÍNTIMOS



Baseado no romance de Tom Perrotta, “Pecados Íntimos” centra-se num grupo de indivíduos cujas vidas se cruzam nos jardins, nas piscinas municipais e nas ruas da sua pequena comunidade, de uma forma surpreendente e potencialmente perigosa.
PECADOS INTIMOS é apenas um belo filme sobre pessoas. Pessoas banais, com vidas banais que vivem nos subúrbios das grandes cidades.
Sarah (Kate Winslet) é uma dona de casa muito desesperada, tem uma filha e vive um casamento infeliz com Richard (Greg Edelman) que é um viciado em pornografia pela internet e que assim descura os seus deveres familiares para com a mulher e a filha.
A vida de Sarah muda quando conhece Brad (Patrick Wilson), um vizinho que atrai a curiosidade feminina, não só por ser um homem atraente mas também porque é ele que leva o filho a brincar para o parque. Brad também não é feliz no seu casamento, vive à sombra da mulher Kathy (Jennifer Connelly), uma realizadora de documentários de grande sucesso.

Pela vizinhança também há um ex-condenado por abuso sexual que vive com a sua mãe que o tenta reintegrar na sociedade e um ex-polícia que passa o tempo a perseguir o antigo presidiário.

Nomeado Para o Oscar de Melhor Actriz Principal; Kate Winslet. Melhor Secundário; Jackie Earle Haley e melhor Argumento Adaptado; Todd Field e Tom Perrota.


Realização: Todd Field
Com: Kate Winslet, Patrick Wilson, Jennifer Connelly, Noah Emmerich e Jackie Earle Haley.
EUA, 2006
Estreia: 1 de Fevereiro de 2007

01 fevereiro 2007

BOBBY



Bobby é uma história ficcionada sobre várias pessoas cujas vidas se intersectam nas horas antecedentes e decorrentes do assassinato do Senador Robert F.Kennedy, no Hotel Ambassador em Los Angeles.
É uma jornada emocional que examina as relações entre homens e mulheres, entre raças e classes sociais, e que nos dá uma ideia de como a vida, através de um acontecimento indelével na História americana, pode mudar drasticamente de um momento para o outro.
As 22 personagens do filme são vulgares cidadãos, que representam todas as raças, pobres e ricos, novos e velhos, encontram-se no epicentro de um dos mais importantes incidentes do Século XX, que fez extinguir a esperança de mudança.
Bobby não é uma história política, embora a política seja o fio condutor, mas sim uma história sobre todos nós.

Realização: Emilio Estevez
Com: Anthony Hopkins, Laurence Fishburne, Helen Hunt, Martin Sheen, Sharon Stone, Elijah Wood, Demi Moore
EUA, 2006

Estreia: 1 de Fevereiro de 2007